top of page
  • earielteixeira

O tempo realmente não para

Atualizado: 20 de fev. de 2021

Viagem no tempo com técnicas de UX e de AI


Fui fazer uma relação das técnicas que estudei, dominei e apliquei em minha vida profissional. Daí me dei conta de como sou grato aos colegas de pós-graduação da PUC-Rio, especialmente do Leui.


Aperto um botão em minha mente, volto no tempo e recordo da tradução do Quis Questionnaire for User Interaction Satisfaction que fizemos. Que bela tarde! Juntos com os amigos Robson Santos, Agner, Eduardo Brandão, Léo Marques, etc. Depois chego em Brasília com Carlos Bahiana para uma consultoria para o Ministério da Saúde. Dou outro salto temporal, abro os olhos e estou avaliando o site da Fiocruz com diversos colegas brilhantes. Assim, os anos passaram fazendo design, montando equipes para o Governo do Estado do Rio de Janeiro - tal qual fiz no Proderj. Liderei muitos projetos de design de interface, deles guardo com afeto o tempo, bem como os produtos digitais projetados para Faperj e de Rede de Computadores.


Em seguida, noto que o relógio da máquina do tempo caminha para o presente, então surgem imagens dos desenhos dos sites do cRio, do InterAção, do Lab3i, do Fórum Agenda 2030 e do relatório de UX feito para o Mkt. da ESPM sobre o site da IES.

Antes de voltar ao dia de hoje, fecho os olhos uma última vez. Aqui cabe um destaque para minha eterna e amada orientadora (mestrado e doutorado) Profa. Anamaria de Moraes - mudou minha vida e abriu meus caminhos. Nunca existirá alguém como ela.


Quase no término da viagem, também lembro de minha supervisora de pós-doutorado, querida Profa. Lena Vânia, generosa e iluminada como somente uma grande cientista poderia ser. Viu uma costura invisível que uniu toda minha trajetória acadêmica. No dia do colóquio encontrei todo(a)s presentes. Como foi especial!


Por fim, quando o equipamento aterrisa fito o alto com orgulho, quantas pessoas formei como professor/ pesquisador e orientei como gestor. Todos crescemos juntos!

Nota: Ao sair da máquina do tempo, percebo na porta um papel com diversas técnicas que aprendi ao longo do trajeto - conforme abaixo:

  1. Persona.

  2. Cenários.

  3. Incidente crítico.

  4. Teste de usabilidade.

  5. Happiness deck.

  6. Quis - Questionnaire for User Interaction Satisfaction.

  7. Card sorting.

  8. Focus group.

  9. Tree testing.

  10. First-click testing.

  11. Survey.

  12. Vocabulário visual do Garrett.

  13. Análise da tarefa.

  14. Diagrama de navegação.

  15. Mood board

  16. Avaliações Heurística.

  17. Avaliação Cooperativa.

4 visualizações0 comentário

Posts recentes

Ver tudo

Commentaires


bottom of page